Informações a respeito das alíquotas em Impostos da Receita Federal

As pessoas já estão de olho nas informações sobre o imposto de renda 2019, e fazem bem por que quase todos os anos nós temos alterações, e é muito importante acompanhar todas as informações a respeito. No post de hoje você verá mais informações sobre as alíquotas para esse ano.

Em breve se inicia o período de declaração de imposto que faz referência sempre a um ano anterior, e a estimativa é que o brasileiro pagará mais imposto de renda caso a tabela progressiva não seja reajustada, mas alguns dados ainda podem ser alterados, e veremos mais informações.

Tabela das Alíquotas

No site da Receita Federal você poderá acompanhar as informações referentes às alíquotas do imposto de renda 2019. É importantíssimo conferir essas informações, ainda mais por que elas tendem a passar por alterações e quem for declarar precisa estar ciente das mudanças.

Declarar o imposto de renda ficou fácil, ainda mais por que a própria receita ajuda nesse quesito oferecendo programas e dicas muito importantes para quem precisa aprender como declarar. Fazer essa declaração de forma correta é muito importante, assim você evita problemas futuros.

Como a maioria sabe a declaração feita no ano de 2019 diz respeito ao calendário de 2018. Portanto, a tabela Imposto de Renda sempre deve estar atualizada e no site da receita você confere todas as informações que precisa sobre esse imposto.

Declaração do Imposto

Consulte o site da receita e saiba todas as informações a respeito da declaração do imposto de renda 2019. Nesse site você encontra todas as informações necessárias e atualizadas.

Acesse o site da Receita e consulte mais informações. Hoje o imposto de renda é um assunto muito importante e as pessoas sabem disso, portanto, acompanhar as mudanças, não somente nas alíquotas, mas tudo que diz respeito ao imposto é importante. Acesse e saiba mais: <a www.receita.fazenda.gov.br. As correções são importantes e elas podem ocorrer todos os anos. Para a declaração de 2019 mesmo já temos alterações, quem lembra de a tabela do ano anterior saber bem disso.

Quem deve Declarar o Imposto?

Todas as pessoas que ganham mais de R$1.791,00 são obrigadas a fazer essa declaração, por isso que é importante se atentar a esses detalhes. A declaração feita no ano de 2019 é referente ao exercício do ano anterior.

Depois de declaração você pode consultar o resultado no site da Receita. Quem não faz essa declaração está sujeito a muitas aplicadas pela Receita, que por sinal são bem altas. Quem faz a declaração tem que aguardar, posteriormente, o resultado da mesma, e quem disponibiliza esses dados é a Receita também, afinal de contas ela é a responsável por todas as informações referentes a esse imposto, por isso que tudo está disponível no site da mesma.

Parte do pagamento do abono salarial será feita apenas no próximo ano

Uma notícia não muito boa foi divulgada no fim da última semana pelo Governo Federal. Parte dos pagamentos do PIS 2018 e 2019 serão feitos somente no ano de 2019. Isto mesmo, algumas pessoas que tem direito em receber o PIS esse ano, só poderão sacar o valor a partir do próximo ano.

A medida, que faz parte do ajuste fiscal do Governo Federal, foi aprovada na última quinta-feira (06/07) pelo Codefat (Conselho Deliberativo do Fundo de Amparo ao Trabalhador). Com a mudança, um novo calendário de pagamento do PIS foi divulgado pelo Governo. Confira abaixo quais serão as novas datas para você sacar seu benefício do abono salarial 2019.

Lembrando que o valor é de um salário mínimo, de R$788. Conforme pode ser observado no calendário abaixo, os novos pagamentos do PIS 2019 serão feitos entre julho deste ano e junho de 2019. Segundo informações do Ministério do Trabalho, os nascidos no segundo semestre, irão receber o pagamento ainda este ano. Já os que nasceram de janeiro a junho só receberão a partir do primeiro trimestre de 2019.

Saque feito por 8,8 milhões de cotistas com menos de 60 anos

Durante o período de pagamento do abono salarial, consultar o saldo do PIS é uma das questões mais procuradas, isso acontece porque o PIS é um dos benefícios sociais mais aguardados do ano, por isso, diversos trabalhadores anseiam e procuram por mais informações sobre o benefício.

O PIS é um programa do Governo Federal criado nos anos 70 com o intuito de distribuir melhor a renda nacional arrecadada, além disso, desde sua criação o PIS foi se aprimorando e hoje é uma grande ajuda para trabalhadores do setor privado, que possuem renda mensal de até dois salários mínimos.

A seguir você vai aprender como pode consultar saldo do PIS de 3 formas diferentes.

Como Consultar Saldo do PIS pela Internet

Consultar o saldo do PIS online é um procedimento muito simples, em primeiro lugar você precisa acessar o site https://servicossociais.caixa.gov.br/, caso seja o seu primeiro acesso, será necessário criar um senha, para isso, basta inserir o número do PIS e clicar em cadastrar senha, seguir os passos corretamente e criar sua senha.

Caso você já possua uma senha cadastrada, basta inserir o número do seu PIS, a sua senha internet e clicar em ok. Em seguida, basta ir na aba PIS e clicar em Consulta a Pagamento e pronto, o saldo do seu PIS já será exibido.

Consultar Saldo com Cartão Cidadão

Se você já tem o cartão cidadão com a senha cadastrada, você pode utiliza-lo para consultar o saldo do PIS e também sacar o benefício, basta ir até uma agência da Caixa Econômica Federal ou a uma casa lotérica. Caso você ainda não possua ou tenha perdido a senha do seu cartão cidadão, basta ir a uma agência da Caixa para cadastrar uma nova senha.

Consultar Saldo na Caixa Econômica

Para os trabalhadores que ainda não possuem o cartão cidadão, ou talvez o tenha perdido, basta ir até uma agência da Caixa portando um documento de identificação com foto, a carteira de trabalho e o número do PIS.

Consultar Saldo pelo Telefone

Você também pode consultar o PIS pelo telefone, através do de um canal direto criado pela Caixa, onde o trabalhador pode realizar diversos tipos de consultas, inclusive do PIS. Além de consultar o saldo do PIS, é possível saber quando o benefício será pago, para isso, basta ligar para 0800 726 0207 e seguir as instruções da atendente virtual. A ligação pode ser feita de segunda a sexta de 8h às 22h e aos sábados de 10h 16h.

A data de pagamento do benefício vai de acordo com o calendário do PIS 2019, que é divulgado oficialmente pela Caixa Econômica Federal, através de banners e cartazes afixado em casas lotéricas e agências da Caixa, além de divulgação nas redes sociais e também pela internet.

Como saber se você tem direito ao Abono Salarial e outros benefícios do Governo

Se você não sabe se tem direito em receber o PIS 2019 esse ano, pode ter a resposta a partir de hoje. Isto por que a presidente Dilma Rousseff sancionou a lei 13.134, que modifica as regras e normas de acesso ao benefício do Abono Salarial. Para àqueles que não tem conhecimento, foi votada em maio no Senado Federal uma lei para alteração dos benefícios do trabalhador, como Seguro Desemprego, Auxílio Doença, PIS, dentre outros. Desta forma, a lei 13.134 que altera as normas, foi sancionada hoje, mas com dois vetos.

O que muda para o PIS 2019

Para alegria dos trabalhadores, inciso 1º do artigo 9º que trata do pagamento abono salarial, tornando o acesso ao PIS mais rígido, foi vetado pela presidente. A proposta inicial era que para ter direito ao benefício do Abono Salarial, o trabalhador deveria ter exercido atividade remunerada por, pelo menos, 90 dias no ano-base, e recebido até dois salários mínimos médios de remuneração mensal no período trabalhado.

Com o veto da presidente, permanece a regra anterior. Ou seja, para receber o PIS, o trabalhador pode ter trabalhado por pelo menos 30 dias no ano de 2018, para ter direito em receber o PIS. “A adoção do veto decorre de acordo realizado durante a tramitação da medida no Senado Federal, o que deixará a questão para ser analisada pelo Fórum de Debates sobre Políticas de Emprego, Trabalho e Renda e de Previdência Social, criado pelo Decreto no 8.443, de 30 de abril de 2019”, justificou o governo.

Valor do PIS 2019 e quem irá receber

Desta forma, aqueles que receberam em 2018 remuneração mensal de até dois salários mínimos (somados os meses trabalhados) e exerceram atividade remunerada por, no mínimo, 30 dias consecutivos ou não, terão direito em receber o benefício.

Incentivo financeiro para famílias de baixa renda

Faça parte do quadro de beneficiários da Bolsa Família 2019. A Bolsa Família 2019 é muito importante para as famílias de baixa renda, e tem sido um ótimo incentivo financeiro.

Em todos os estados brasileiros temos inúmeras famílias beneficiadas com o programa bolsa família, ele tem sido importantíssimo na renda familiar.

Ocorre que todos os anos o programa passa por alterações em relação às datas de pagamento e é importantíssimo que os beneficiados se atualizem quanto a esses prazos.

Como tem muitos beneficiados do programa o mesmo se organiza através de um calendário para que o pagamento pode ser efetuado e todos possam receber. Aproveite e informe-se também a respeito do Educa Mais Brasil 2019!

Bolsa Família 2019

Bolsa Família 2019 é um programa criado pelo governo federal e tem como intuito ajudar as famílias que estão em situação de pobreza e de extrema pobreza em todos os estados brasileiros. Quem já participa desse programa sabe como ele é importante na renda familiar e como muitas pessoas dependem do mesmo.

Pagamento é feito uma vez por mês e o valor varia conforme o número de beneficiados que se encaixam nos requisitos do programa.

O importante é não perder os prazos de pagamento do programa, para saber quando ir ao banco receber o seu benefício a organização do programa disponibiliza um calendário por meio do qual essas datas são definidas.

Caso queira saber mais informações a respeito do programa, como também consultar o calendário atualizado quando ele estiver disponível, não deixe de acessar o site do Ministério do Desenvolvimento Social: www.mds.gov.br

Calendário

A data de pagamento varia conforme o final do cartão do beneficiado. O calendário bolsa família 2019 já foi divulgado e você já pode conferir logo a baixo.

Abaixo deixamos o calendário 2019, para que você tenha conhecimento sobre como as datas são definidas e como consultar as informações.

Inscrição Bolsa Família

Se você tem interesse em fazer parte do programa saiba como fazer a inscrição bolsa família 2019. Hoje são inúmeras famílias beneficiadas em todo o Brasil e para o seu cadastro é necessário preencher os requisitos necessários.

Esses são os requisitos necessários para receber o benefício oferecido pelo programa:

  • famílias com renda de R$77 a R$154 por pessoa e que tenham dependentes.

Os requisitos para o Programa Bolsa Família são importantíssimos e serão analisados, se você preenche eles não deixem de fazer sua inscrição.

Para se inscrever é necessário que você tenha o Cadastro Único, por meio dele você poderá se inscrever no programa.

Donos de veículos devem R$ 24 milhões em IPVA

Em breve você deverá efetuar o pagamento do IPVA 2019 RJ. Para isso confira mais informações sobre. Saiba como emitir a guia do IPVA 2019 RJ e também como consultar a tabela de pagamento.

Um imposto muito importante e que é recomendável que você pague em dias, tanto para evitar juros como também para não deixar o veículo irregular. Outro imposto que deve ser pago é o Seguro DPVAT 2019, o qual assegura as vítimas de acidentes de trânsito com despesas médicas e outros gastos.

IPVA DETRAN

IPVA 2019 RJ é um imposto obrigatório e que incide sobre os veículos registrados nesse estado.

Se você tem algum veículo registrado no Rio de Janeiro certamente terá que efetuar o pagamento do IPVA 2019. Ele é anual é obrigatório. Veja também informações sobre o DPVAT 2019 RJ!

Pelo site do Detran RJ você pode consultar várias informações sobre esse imposto, é importante não perder os prazos para pagamento porque se isso ocorrer a incidência de juros fica em alta, o que deixa o valor ainda mais reajustado.

O Detran Rio de Janeiro oferece formas acessíveis de pagamento, aqui iremos conferir mais sobre.

EMISSÃO DA GUIA IPVA RJ

Para efetuar a emissão da guia do IPVA 2019 é necessário entrar no site e seguir as instruções dadas abaixo, você leva pouco tempo para emitir o documento:

  • Entre no site: www.detran.rj.gov.br
  • É necessário que você informe o número da Placa do Veículo;
  • Se preferir você também pode consultar informando o Número do GRAVAME;
  • após preencher os dados clique no botão Consultar.

O Valor do IPVA 2019 depende muito do valor do veículo e suas características. Não existe um valor padrão a ser pago em 5 valor estipulado com base no veículo que cada contribuinte possui.

Ao fazer a emissão do documento de pagamento você tem conhecimento do valor que você deverá pagar. O valor passa por atualização todos os anos, mas o reajuste é pequeno.

TABELA CALENDÁRIO IPVA

Através da tabela IPVA 2019 você pode conferir quando efetuar o pagamento deste imposto.  Quem disponibiliza essa tabela é o próprio Detran.

A tabela utiliza como base o último número da placa do veículo e com isso é definido uma data específica para que cada contribuinte efetue o pagamento do imposto.

Para o ano de 2019 a nova tabela ainda não saiu, mas assim que isso ocorrer iremos atualizar as informações:

Essa tabela acima é referente ao ano anterior, em breve teremos a tabela IPVA RJ 2019 disponível para consulta.

PAGAMENTO IPVA 2019

Detran do Rio de Janeiro disponibiliza várias formas de pagamento do IPVA RJ 2019, facilitando assim a vida do contribuinte.

Abaixo mencionada nos quais são as formas de pagamento disponíveis para você:

  • pagamento parcelado – sem incidência de desconto;
  • pagamento em cota única – com desconto;

Importante destacar que o pagamento parcelado é feito em até 3 vezes com valor igual para todas as parcelas.

Veja qual dessas formas melhores se encaixa no seu orçamento mensal.

Qual a importância dos estudos na sua vida?

Hoje o papo não é sobre decoração, não é sobre maternidade e nenhum outro assunto que geralmente falo aqui no blog…hoje o papo é para mim, você e todos nós refletir sobre como estamos agindo com as pessoas que estão em nossa volta! Ultimamente tenho observado o quanto as pessoas estão sendo cruéis com seus comentários, não aqui, mas em outros blogs, sites e redes sociais, e até mesmo em suas vidas pessoais. Fico imaginando o quanto deve ser triste e frustrante a vida daquela pessoa que faz questão de comentar que “a pessoa tá horrível”, que “a pessoa se acha”, o quanto “ela é feia” e outras coisas que existe de mais cruel para se falar… é sério que você leva a vida assim?

Quando eu entro para ler alguma matéria em algum portal de notícias ou algum blog que acompanho, já espero ver algum comentário desanimador para não dizer outra coisa por muitas vezes não é só pela parte do leitor mas também da própria blogueira ou blogueiro…mas isso não era para se esperar, não é? muito menos ser uma coisa normal…

Mas aí vocês me perguntam: – Carla, vocês blogueirosª já não têm que estar preparado pra isso? Sim e não! temos consciência que devemos estar preparados para tudo, mas como dizia minha vó…”Quando não temos nada de bom para falar, é melhor ficar quieto! ~e ponto final~ e educação se traz de casa, não é?

Estou falando sobre ser realmente cruel, sabe? falar o quanto a pessoa está gorda, que ela é isso ou aquilo, é como você apontar o dedo na cara de alguém, ofender…Existem pessoas que têm o dom de ser incrivelmente inconvenientes, imagino o quanto de amigos e familiares que realmente gostam dela, se ela é assim no mundo virtual, imagina como esse ser de luz deve ser no mundo real?

Educa Mais Brasil

Estudar é muito importante, para adquirir mais conhecimento e ter mais oportunidades profissionais. Se você não possui condições para arcar com os custos de um curso, o Educa Mais Brasil pode te ajudar, o programa oferece bolsas de estudos de até 70% para cursos desde o nível básico até a pós-graduação.

Para ter mais informações você pode acessar o site do Educa Mais Brasil, através do mesmo se realiza a inscrição, a qual pode ser feita durante o ano todo.

Trabalhador poderá dar entrada no seguro pela internet

O Seguro Desemprego é um benefício concedido à trabalhadores demitidos sem justa causa, desde que o vínculo trabalhista e tempo de serviço deve ser comprovado por meio do registro na Carteira de Trabalho. Agora, com as mudanças, quem tem direito ao benefício poderá receber de 3 a 5 parcelas (meses) do seguro desemprego.

Se você já deu entrada em seu processo para começar a receber o Seguro Desemprego, ou está prestes a receber o benefício aprenda a consultar os depósitos:

Existem 4 (quatro) maneiras para você verificar: Seu saldo; As parcelas recebidas; As Parcelas que você ainda vai receber, são elas:

Cartão Cidadão – Caixa Econômica Federal

Trata-se de um cartão magnético, que permite acessar diversos serviços sociais e trabalhistas, como o PIS, FGTS, bem como o Seguro Desemprego.

Indo até uma casa lotérica ou uma das agências da Caixa Econômica Federal você poderá obter informações acerca dos depósitos do Seguro Desemprego. Vale lembrar, que atualmente o Cartão Cidadão é oferecido apenas para as pessoas que recebem ou já receberam algum benefício do Governo Federal.

Por meio do Seguro Desemprego Web é uma plataforma online, dessa forma, você poderá preencher os dados do seguro no conforto da sua casa, por meio da internet.

Conta na Caixa Econômica Federal

Se você é cliente da CEF (Caixa Econômica Federal), e possui conta ativa, poderá realizar a consulta nos terminais nos caixas eletrônicos autoatendimento, pela internet ou em qualquer casa lotérica.

Consulta ao Seguro Desemprego – Internet

Se você é adepto às a praticidade da internet, poderá consultar o saldo de seu seguro desemprego diretamente no site da CEF:

No menu selecione: “Benefícios e Programas”, “Benefícios do Trabalhador” (primeira coluna) em seguida selecione a opção Seguro Desemprego. Uma nova página será carregada, lá você encontra tudo sobre o programa.

No canto direito você deve clicar no botão “Consultar Pagamento”. Digite o número do Seu NIS (Número de Identificação Social) – ou o número do PIS/PASEP – Digite sua senha e clique em “OK”.  Se você ainda não tem uma senha cadastre-a clicando em “Cadastrar Senha”.

Após o acesso com seu NIS – PIS/PASEP e senha, você terá acesso a todas às informações relativas aos seus benefícios.

Consulta ao Seguro Desemprego – Telefone

Se preferir você pode optar pela ligação para consultar informações à respeito do Seguro Desemprego, basta ligar gratuitamente para a CEF (Caixa Econômica Federal), no 0800 726 0207, para a consulta é preciso ter em mãos: NIS – PIS/PASEP, RG e CPF.

Veja como parcelar impostos do seu carro

Quem é dono de algum automóvel ou é bastante ligado a essa área sabe muito bem que o licenciamento é muito importante para estarmos de acordo com as leis que regem os trânsitos brasileiro definida pelo Departamento de Trânsito, mais conhecido como Detran.

É de suprassumo importância que fique em dia com o licenciamento do seu carro para que evite transtornos maiores, como constrangimentos e multas. O licenciamento ocorre todo ano, por isso é necessário que vá separando uma quantia para efetuar o pagamento do licenciamento e ficar longe desses contrapesos.

Quer se informar mais sobre o Licenciamento 2019 SP? Então veja o artigo abaixo.

Como consultar licenciamento Detran SP

Com o avanço da tecnologia, os departamentos de trânsito procuraram automatizar mais seus serviços e transferir boa parte do mesmo para internet, fazendo com que os motoristas economizem tempo e dinheiro, assim como diminuir a carga de trabalho dos atendentes da instituição.

No site do Detran do estado de São Paulo você pode consultar o licenciamento, especificando o mês de pagamento e também o valor da fatura. Para consultar o as informações sobre seu licenciamento são precisas que tenha em mãos um computador com acesso a internet onde a velocidade da mesma seja boa suficiente para que nada ocorra errado durante o momento da consulta.

Vá até o site do Detran SP oficial pelo endereço www.detran.sp.gov.br. Ao acessar irá se deparar com um site com visual limpo e fácil de ser manuseado projetado tanto para usuários leigos, quanto para usuários mais avançados.

Disposto para o usuário está um menu bem simples, mas preciso, na parte superior do site.

Clique na seção de veículos, logo abrirá mais uma página com diversos serviços prestado online, como pesquisa de débitos e restrições, comunicação de venda, transferência do veículo, registro de veículo 0km e também licenciamento, a que nos interessa.

Você será redirecionado a uma página com várias formas de licenciamento, como de forma presencial, eletrônica, anual para veículo movido a gás natural ou de veículos de entidades ou órgãos oficiais.

Informações sobre o Detran SP Licenciamento

O licenciamento dos automóveis não é cobrado todos de uma só vez, mas sim, gradativamente. Todos os meses são escolhidos um numeral do final da placa no qual indica até o mês limite para o pagamento. Quer ver qual é até o mês limite do pagamento do licenciamento do seu carro para o ano de 2019? Confira na lista abaixo:

  • Final da Placa: 1 – até abril
  • Final da placa: 2 – até maio
  • Final da placa: 3 – até junho
  • Final da placa: 4 – até julho
  • Final da placa: 5 e 6 – até agosto
  • Final da placa: 7 – até setembro
  • Final da placa: 8 – até outubro
  • Final da placa: 9 e 0 – até novembro
  • Final da placa: 0 – até dezembro

Está com alguma dúvida relacionada ao Detran SP licenciamento? Então conte-nos na área de comentários para podermos resolver seus problemas.

331 mil veículos não quitaram o Imposto Automotivo e estão irregulares no Estado

O IPVA 2019 MG você começa a pagar em breve, o Detran está terminando de organizar os dados e datas para recebimento desse imposto. Fique por dentro para saber maiores informações e evite atrasos no pagamento para não perder nenhum desconto. Mais informações sobre o IPVA 2019 MG no post de hoje.

Está mais fácil efetuar o pagamento desse imposto nos dias atuais e isso se dá pelo fato de que o Detran de cada estado oferece o parcelamento do mesmo, tornando o valor mais acessível ao contribuinte. Mas o pagamento parcelado tem seus limites, e o pagamento em cota única tem suas vantagens. Saiba mais também a respeito do IPVA 2019 RJ, clique aqui!

PAGAMENTO DO IPVA MG

As formas de pagamento, conforme mencionamos anteriormente, passaram a facilitar a vida do contribuinte que até então só tinha o pagamento único como opção. Agora o valor já pode ser parcelado, em suma veja como funciona:

  • pagamento parcelado em até 3 x com valor igual em todas as prestações;
  • pagamento em cota única com desconto.

Vai de cada um escolher qual é a melhor forma para efetuar o pagamento desse imposto. As opções estão aí para que você possa escolher uma que se encaixe melhor no que tanto deseja.

As formas de pagamento ajudam muito quem não tem condições de pagar em cota única, logo, se tornou um dos tipos mais usados atualmente, por que facilita muito mesmo a vida dos contribuintes.

VALOR DO IMPOSTO

O valor o IPVA 2019 MG depende do veículo, logo, não temos um valor fixo para todos e sim um valor que varia conforme o modelo e ano do veículo.

Ao imprimir a guia de pagamento do IPVA você terá acesso ao valor destinado a pagamento de acordo com o veículo que você tem.

Esse pagamento, conforme visto anteriormente, pode ser feito de duas maneiras. É importante não atrasar por que se não você perde os direitos. Pela tabela que o Detran libera você pode consultar as datas certinhas para pagamento.

O valor passa por um pequeno reajuste todos os anos, mas o valor não aumenta tanto assim, mas é bom termos conhecimento sobre.

TABELA IPVA MG

A nova tabela referente ao ano de 2019 ainda não foi disponibilizada pelo Detran.

Essa tabela que você confere abaixo faz referência ao ano anterior:

EMISSÃO DA GUIA

Emissão da guia pode ser feita pela internet, veja como funciona: