Acne: causas e tratamentos

A acne é uma doença de pele caracterizada como uma condição em que os folículos pilosos ficam obstruídos por células mortas e sebo, bactérias que geram inflamação. O pano da pele fica danificado com o aparecimento de cravos e espinhas, principais contusões causadas pela acne. Caso não tratadas, podem gerar cicatrizes e afetar a autoestima.

Devido a quantidade de hormônios é mais comum o aparecimento durante a adolescência. Em geral, a incidência é na pele do rosto, peito e nos clivos. Além disso, pode acometer tanto homens quanto donas.

Qual a diferença entre acne e espinhas?

As espinhas são uma das demonstrações da acne. Ou seja, a acne leva a formação de lesões de diversos tipos, como cravos abertos e fechados, espinhas e deformidades (espinhas com pus).

“Toda espinha pode ser considerada acne, mas nem toda acne é espinha, já que os cravos também podem ser incluídos na categoria”.

Acne neonatal

Cerca de 20% dos recém-nascidos desenvolvem acne leve. Isso pode acontecer porque certos hormônios são passados para eles através da placenta por suas mães escasso antes do nascimento.

Outra causa de acne em beberes é o estresse do parto, que pode fazer o aspecto do bebê liberar hormônios. Recém-nascidos com acne comumente tem lesões que desaparecem espontaneamente.

Acne infantil

Bebês entre 3 e 16 meses de idade podem desenvolver acne infantil. Eles podem ter cravos e espinhas. A acne infantil geralmente desaparece quando a criança abica aos dois anos de idade. Mas as espinhas raramente deixam cicatrizes. Pode ser causada, em parte, pelas níveis hormonais mais elevados do que a normal.

Acne conglobata

A acne conglobata é uma forma rara, mais grave, de acne. Ela ocorre principalmente em esposos jovens. Nesse caso, espinhas grandes se desenvolvem na cariz, peito, costas, braços e coxas. Este tipo de acne pode ser crítico de tratar e muitas vezes deixa cicatrizes.

Acne fulminante

Acne fulminante é um esculpe grave de acne conglobata, que ocorre mais em garotos adolescentes. Na acne fulminador, um grande número de dificuldades se desenvolve muito com pressa nas costas e nas peito. Essas espinhas muitas vezes deixam cicatrizes graves. Pacientes com acne fulminador muitas vezes sofrem com febre e dor muscular e óssea.

Por que a acne aparece?

Existem diferentes tipos de acne. A acne mais batido é o tipo que se desenvolve durante a adolescência, normalmente de graus 1 e 2. Afinal, a puberdade faz com que as categorias hormonais fiquem elevados, especialmente a testosterona. Esses hormônios estimulam as glândulas do pele, que começam a imaginar mais óleo (sebo).

As crianças e os adultos mais velhos também podem ter acne. Superprodução de sebo na pele e centralização de células mortas nos folículos pilosos da pele estão entre as causas de acne. Esses fatores resultam em congestionamento, com acúmulo de bactérias e inflamação. Os folículos pilosos estão ligados as glândulas sebáceas, que secretam uma extrata oleosa, conhecida como sebo, para lubrificar o seu cabelo e pele.

Quando o corpo produz uma quantidade excessiva de sebo e células mortas da pele, os dois desbastecem se acumular nos folículos pilosos, criando um ambiente onde as bactérias desbastem prosperar. Esse cenário pode erigir com que a folheta se torne inchado e inflamado, acumulando pus, formando a acne. Também pode acontecer de a folheta se abrir e anoutar, gerando um cravo.

Para mais informações acesse: dermatologista bh

FONTE: https://www.r7.com/

FONTE: https://www.terra.com.br/noticias/

FONTE: https://noticias.uol.com.br/